Ex funcionários do WhatsApp criam aplicativo HalloApp. Rede social que conectará apenas ‘’pessoas reais’’

Dois amigos e profissionais que trabalhavam para o aplicativo WhatsApp fundaram suas próprias redes sociais, que se chama ‘HalloApp’. Atualmente, o aplicativo já está com o acesso livre para download em smartphones IOS e Android. Consequentemente, o mais novo aplicativo promete ser menos invasivo, sem precisar de dados pessoais e não terá anúncios, e acima de tudo o principal objetivo da nova ferramenta é conectar apenas pessoas ‘’reais’’.

Publicidade

Os fundadores da HalloApp são o Michael Donohue e Neeraj Arora, que foram funcionários do WhatsApp desde o começo do aplicativo até mesmo quando o empresário Mark Zuckerberg comprou a plataforma. Os dois tiveram cargos altos e renomados no aplicativo, e o Arora foi o responsável na época de negociação para a venda do aplicativo de mensagem.

Como funciona o aplicativo HalloApp?

O HalloApp serve como semelhança entre o Facebook e o Whatsapp, fornecendo aos usuários quatro guias de navegação. Primeiramente, a principal guia é o homepage, como todas as outras redes sociais podem ser usadas como feed de postagens dos amigos. Porém, o destaque que se da a essa rede é a transparência oferecida aos usuários, mostrando que a plataforma não contém nenhum algoritmo para escolher postagens e usuários permitidos.

Publicidade

Além disso, o aplicativo irá reservar um espaço para bate-papos em grupo e outra janela para conversas pessoais, permitindo que os usuários se movimentem rapidamente entre as redes sociais sem precisar trocar de aplicativo para visualizar as publicações mais recentes ou enviar uma mensagem. Contudo, o app possui uma guia de configurações para o aplicativo e dos perfis de usuário.

De acordo com o fundados Arora, a premissa do “HalloApp” é fornecer um “antídoto” das redes sociais que estão cada vez mais focadas nas participações, e isso acaba viciando as pessoas. Por isso, os fundadores nomeiam o aplicativo como rede social de ‘’relacionamento real’’, no qual todas as pessoas interagem de verdade, sem a necessidade de aparecer postagens e assuntos que incomodem as mesmas.

Publicidade

Como funcionará a função ‘’amigos de verdade’’?

Para cumprir com a promessa de apenas amigos de verdade, o aplicativo usará apenas os contatos dos usuários para conectar com ”pessoas reais”. Entretanto, um detalhe importante sobre a plataforma é que ela não usará outros dados, apenas o número de celular, e não haverá qualquer tipo de anúncio. No entanto, ambos contaram que o motivo da saída do WhatsApp foi a forma de como a plataforma do Facebook usa a monetização, sempre colocando anúncios direcionados. Mas, é de imaginar que o aplicativo usará alguma prática para ganhar dinheiro, sendo elas por meio de assinatura mensais, que permitirão o acesso de alguns recursos extras.

A regra do aplicativo

No blog da empresa,  Arora acaba fazendo uma critica as outras redes sociais que usam engajamento como métricas e isso acaba tornando o aplicativo de entretenimento em um ‘’digital shopping’’. Afinal, na verdade usuários esperam interagir com amigos e consequentemente só encontram bots, anúncios, filtros, likes e informações erradas. Em suma, o aplicativo já está funcionando para Android e IOS. Porém, apenas alguns usuários terão acesso, isso porque é necessário um convite enviado de algum membro. Além disso, a plataforma anunciou que estão com vagas abertas para engenheiro de IOS e de criptografia.

VEJA TAMBÉM: Quais as principais diferença entre as empresas tradicionais e Startups? Descubra!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*