Você sabe o que é o Android Auto? Descubra!

Atualmente, é muito comum ver pessoas conectadas a todo tempo seja em qualquer meio tecnológico. Mas, quando estamos em um automóvel é necessário que tenhamos olhos atentos a pista, mesmo que receba ligações ou mensagens.

Publicidade

Segundo a Associação Brasileira de Medicina de Trafego (abramet), contou que o uso do celular é uma das maiores causas de acidentes de trânsito com morte no Brasil. A pesquisa revelou também que 150 motoristas morrem anualmente por conta do uso de smartphone enquanto dirige. Entretanto, pensando nessa possibilidade de estar conectado mesmo dirigindo, o Google lançou os serviços Android Auto e a Apple lançou CarPlay. Essa inovação permite ter interações com comando de voz para realizar ligações, ler mensagens, colocar músicas e muito mais!

Como funciona o Android Auto?

O Android Auto é um sistema de infraestrutura que a Google desenvolveu para permitir que os usuários executem funções enquanto dirige, como se estivesse utilizando um aparelho móvel. Então, esse sistema disponibiliza uma interface personalizada para os usuários.

Publicidade

Portanto, para usar é preciso ter um aparelho Android com versões entre 9 ou inferiores e tenha espaço para download do aplicativo. Mas, quem tem a versão 10 do Android não precisa se preocupar porque ele vem integrado no smartphone, ou seja, não é necessário baixar o aplicativo.

Contudo, essa função executa ações com o GPS, pesquisas por Google Assistente, a conexão pode ser feita por Bluetooth ou pelo cabo USB.

Publicidade

Google Assistente quais são as vantagens?

Esteja você usando o Android Auto em um smartphone ou em um carro, o app é compatível com a função Google Assistente. Basta tocar no botão do microfone ou dizer a palavra “Ok Google” para acessar várias funções.

Por exemplo, o motorista pode perguntar sobre o tempo ou pedir para tocar sua música favorita. Além disso, você pode pedir ao assistente que indique o posto de gasolina mais próximo ou o melhor restaurante da região no mapa. No carro, o Google Assistente se torna uma função indispensável, para que a pessoa não desvie o olhar da pista. Esse recurso torna a experiência mais segura.

Quais dispositivos são compatíveis?

Atualmente, o serviço Android Auto é compatível com uma variedade de veículos e dispositivos de som, com mais de 500 diferentes modelos. Os principais veículos compatíveis são marcas que vão desde Fiat até Jaguar. Além disso, existem alguns nomes populares em dispositivos de som compatíveis (como JBL, Sony, Pioneer e Panasonic).

Como usar o Android Auto no carro?

Primeiramente, para utilizar os recursos do aplicativo, a Google deixa recomendado que usem o software com um painel no carro. Por isso, caso o veiculo seja compatível, é simples usar. Existem duas possibilidades de conectar ao visor do carro, sendo elas: Com USB ou com o pareamento por Bluetooth. Vamos ensinar o passo a passo das duas. Acompanhe!

  • Android Auto com cabo USB: A primeira etapa é conferir se o dispositivo é compatível com o visor do veículo. Após isso, ligue o carro e conecte o cabo USB no veiculo e no smartphone, siga as instruções de primeiro uso do aplicativo. Em seguida olhe para o visor do carro e siga as instruções e aceite os termos. Pronto agora é só aproveitar com conforto e segurança os seus aplicativos sem tirar a mão do volante!
  • Android Auto sem fio: Como é a primeira vez que irá conectar no carro, será preciso pareá-lo via Bluetooth. Então, mantenha ligado os dados moveis, Localização e o principal que falamos acima. Siga as instruções do aplicativo e do visor do carro e aceite os termos. Logo depois é só começar a utilizar com responsabilidade.

Para concluir, se quiser saber mais sobre o aplicativo Auto Android você pode conferir pelo site oficial. Se você gostou dessa funcionalidade não deixe de utilizar. Aproveite e compartilhe esse artigo para que as pessoas saibam, acesse o nosso site para mais novidades de aplicativos que auxiliam no dia a dia.

VEJA TAMBÉM: A evolução da impressora 3D e sua revolução no século XXI. Saiba mais!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*